Redação Espírita - Mensagens, Palestras Online, Psicografias...

MENU

  • Compartilhe esse post
  • Compartilhar no Facebook00
  • Compartilhar no Google Plus00
  • Compartilhar no Twitter

Silenciar, meditar e orar

Ela estava com o coração apertado dentro do peito. As lágrimas só esperavam as comportas cederem para que rolassem pelas faces. Os pensamentos turbilhonavam em sua mente e não encontravam direção certa a seguir.

Ela estava com o coração apertado dentro do peito.

As lágrimas só esperavam as comportas cederem para que rolassem pelas faces.

Os pensamentos turbilhonavam em sua mente e não encontravam direção certa a seguir.

Os gemidos se espremiam na garganta.

O que fazer meu Deus, em momentos assim? Fazemos tudo com a melhor boa vontade, para vermos os nossos amores felizes, e somos interpretados de maneira tão equivocada...

Desgastamo-nos além do normal para lhes oferecer um agrado, e somos feridos verbalmente, por interpretações infelizes...

Ela se dirigiu ao quarto esperando desafogar aquelas incômodas sensações.

Foi nesse instante que se deparou com uma mensagem, que estava sobre a cômoda. Era um pequeno folheto sem autoria. Nem lembrava de tê-lo recebido e deixado ali.

Agora, sentou-se e leu:

Na hora da tempestade, quando os raios recortam os céus, os trovões bombardeiam os ares e a chuva cai pesada, muitas vezes em pedras de gelo, não tema, silencie e ore.

Não fazemos ideia do objetivo Divino por trás desse espetáculo assustador.

A atmosfera, embora sofrendo o ataque das forças da natureza, terá seu ar saneado, tornando-se mais leve e saudável.

Muitas vezes, as tempestades particulares que sofremos trazem consigo sagradas oportunidades de nos calarmos e orarmos, para que a nossa intimidade se torne mais suave.

*   *   *

Ela ficou a pensar: De onde terá vindo este papel com dizeres tão apropriados ao reequilíbrio do meu estado de ânimo, neste momento?

Ainda segurando o papelzinho nas mãos, sentiu as lágrimas quentes deslizarem pelo rosto.

Peito e garganta foram registrando um progressivo relaxamento e o pensamento começou a clarear.

Ela compreendia agora o fato de que estamos sempre mergulhados nas energias que criamos ou que recebemos.

Algumas, são energias especiais que nos fortalecem, geradas por palavras, músicas, leituras ou um abraço que nos aconchega...

Outras, pesadas ou negativas, que tanto podem ser criadas por nossos próprios pensamentos, palavras e atos como recebidas de pessoas que nos cercam, e que nos contagiam em momentos de descuido nosso.

Dependendo da forma como agimos ou reagimos, transformamos essa carga energética em uma verdadeira tempestade particular.

Para que o ambiente seja abençoado com novos ares mais leves e saudáveis, a receita é justamente silenciar e orar.

Silenciar para não tumultuar mais o ambiente, calar nosso orgulho ferido para não fazermos cobranças, e orar para afastar o pensamento da sintonia malfazeja e completar o saneamento necessário.

Uma prece que brote da nossa intimidade e rogue:

Senhor Deus de amor, quanto ainda precisamos aprender sobre as leis maiores da vida.

Ajuda-nos a ter sempre em mente que podemos melhorar nosso interior, o ambiente dos nossos lares e nossos relacionamentos.

E que para realizarmos esse intento, muitas vezes basta silenciarmos, meditarmos e orarmos.

Orarmos pedindo por nós mesmos, pelos nossos amores, pelo nosso próximo, pela Humanidade...

Veja Também!

Os artigos relacionados podem te interessar:

[Ver mais sobre Sempre com alegria]

Sempre com alegria

Irmã Ananda. Ananda quer dizer alegria. Irmã Alegria. Desde sua mais tenra infância,...

[Ver mais sobre Pobreza e riqueza]

Pobreza e riqueza

Pela metade do século XX, um filme de suspense de Alfred Hitchcock fez sucesso: O homem que sabia...

[Ver mais sobre Perante as tempestades]

Perante as tempestades

Raios caíam rasgando o céu. Trovões ressoavam sacudindo paredes. Ventos fortíssimos carregavam...

[Ver mais sobre Os desafios da vida]

Os desafios da vida

Abrir a caixa de um quebra-cabeças pela primeira vez, desses de milhares de minúsculas peças, é...

Olá, deixe seu comentário para Silenciar, meditar e orar

Enviando Comentário Fechar